Forums » Notícias e Acontecimentos

EFEITO DO BRÓCOLIS CONTRA O CÂNCER DE PRÓSTATA

  • Oliveira Dario
    • Moderador
    • 436 posts
    22 de janeiro de 2016 23:45:11 ART

    EFEITO DO BRÓCOLIS CONTRA O CÂNCER DE PRÓSTATA

     
     
    O brócolis tem mostrado efeitos protetores contra uma série de doenças, do câncer de mama até a asma. Ele também atua inibindo o desenvolvimento do câncer de próstata, mas até agora os cientistas não sabiam como o vegetal agia no organismo para produzir esse efeito protetor.
    .
    Esse mecanismo acaba de ser decifrado por uma equipe internacional de cientistas, chefiada pelo Dr. Richard Mithen, do Instituto de Pesquisas Alimentares da Inglaterra. A descoberta foi publicada no último exemplar da revista Molecular Cancer.
    .
    Os cientistas descobriram que o efeito benéfico do brócolis deve-se ao SULFORAFANO, um composto químico presente no vegetal que interage com as células que não possuem um gene chamado PTEN, reduzindo as chances do desenvolvimento do câncer de próstata ou retardando seu desenvolvimento. O grupo realizou uma série de experimentos com tecidos da próstata humana e com modelos animais do câncer de próstata para estudar as interações entre a expressão do gene PTEN e a atividade anticâncer do sulforafano.
    .
    "O PTEN é um gene supressor do tumor, e a sua deleção ou inativação pode iniciar a carcinogênese prostática, ou aumentar a probabilidade de progressão do câncer. Nós demonstramos aqui que o sulforafano tem efeitos diferentes dependendo se o gene PTEN está presente ou não," explica Mithen. Os cientistas constataram que, em células que expressam o PTEN, a ingestão de sulforafano não tem nenhum efeito sobre o desenvolvimento do câncer de próstata.
    .
    Em células que não expressam o gene, no entanto, o sulforafano torna as células "menos competitivas", oferecendo uma explicação de nível molecular para como consumir brócolis pode reduzir o risco de incidência de câncer de próstata, ou de sua progressão, se ele já tiver-se instalado.
    .
    Fonte: Diário da Saúde

    Este post foi editado por Oliveira Dario em 22 de janeiro de 2016 23:47:35 ART"